A Escola
Nossa História

Há aproximadamente 30 anos, nasceu o Centro de Convivência Infantil "A Sementinha". Tudo começou quando algumas mães que faziam trabalho voluntário no Hospital São Francisco revezavam-se para cuidar de seus filhos numa pequena casa do bairro Parque Califórnia.

Aos poucos, foi-se desenvolvendo um trabalho pedagógico rico em vivências cognitivas e valorativas, o que começou a despertar o interesse da comunidade local. Assim, em 1996 teve início o Centro de Educação Infantil "A Sementinha" e foi elabotado um projeto pedagógico com diretrizes da Educação Personalizada de Víctor García Hoz. 

A ideia de criar a escola nasceu, pois, do desejo de oferecer uma educação que valorizasse a criança em sua singularidade e dignidade de pessoa; uma educação orientada aos valores e ao sentido da vida; e que formasse adolescentes e jovens capazes de organizar seu próprio projeto de vida, aptas a viver numa sociedade complexa e desafiadora, com compromisso e solidariedade.

Em 2000, foi fundada a Associação de Educação Personalizada Semente de Vida, entidade sem fins lucrativos, como mantenedora da escola, o que permitiu dar início, em 2001, ao Ensino Fundamental Ciclo I - do 1º ao 5º ano. Por ser de confissão católica, nessa nova fase a escola assumiu sua nova identidade: Centro de Educação Nossa Senhora das Graças.



MISSÃO

Promover uma educação que vise ao conhecimento sistemático e crítico da cultura, orientada aos valores humanos e cristãos, capacitando os educandos para a construção do projeto pessoal de vida e sua inserção responsável e solidária na sociedade.


VISÃO

Ser reconhecido como referência regional em educação escolar e formação de educadores a partir de um modelo pedagógico humanista-existencial e personalista.



VALORES 

1 - A pessoa humana compreendida em todas as suas dimensões - biológica, psicológica, social e espiritual - no centro do projeto educativo.

2 - O sentido da vida como objeto da busca existencial do ser humano e da ação educativa.

3 - A alegria mediante o trabalho-bem-feito e a convivência.

4 - A ética da responsabilidade perante a existência pessoal, a comunidade, o meio ambiente e a Transcedência.

5 - O diálogo entre cultura e fé como caminho para a construção da visão de mundo e projeto de vida.

6 - A família como núcleo da sociedade e base para o equilibrio e desenvolvimento da pessoa.